Resolver os problemas do RH deve ser uma prioridade em qualquer organização. Veja por onde começar!

É fato que, sem pessoas em uma empresa, não há processos, produtos ou faturamento. Por isso, resolver os problemas da área de Recursos Humanos deve ser uma prioridade de qualquer organização, uma vez que eles podem afetar todos os outros setores da empresa.

Contudo, nem sempre os gestores encontram caminhos e informações para solucionar os maiores desafios que as áreas de Recursos Humanos enfrentam. Por isso, desenvolvemos este artigo com o objetivo de identificar os principais problemas do RH e compartilhar possíveis soluções. Acompanhe!

Quais os principais problemas do RH?

O primeiro passo para resolver qualquer questão é identificar o problema. Contudo, às vezes uma empresa pode levar semanas ou meses até perceber uma limitação ou ponto fraco — o quanto antes ela o fizer, melhor. A seguir, você verá os principais problemas do RH.

Tecnologia defasada

Normalmente, a área de Recursos Humanos não atualiza suas ferramentas com a mesma frequência de outros setores. Assim, as empresas perdem oportunidades de implementar soluções e inovações que poderiam aumentar a produtividade.

Há muitas organizações, por exemplo, em que a área de Recursos Humanos ainda realiza cálculos em sistemas obsoletos, devido à falta de atualizações ou até mesmo investimentos. Por isso, a não utilização de uma tecnologia moderna, sem dúvida é um ponto que contribui para a ineficiência dos processos e baixa produtividade.

Uma pesquisa da EY mostrou que, na maior parte das empresas, o processo de folha de pagamento ainda não é totalmente automatizado. Segundo 62% dos entrevistados, o modelo que utilizam atualmente não fornece as informações necessárias para tomadas de decisões relativas à gestão da mão de obra e aos custos referentes a benefícios e remuneração.

Comunicação falha

A clareza na comunicação do trabalho realizado é outro problema. Muitas áreas ainda desconhecem a rotina do RH. Em geral, profissionais de outros setores às vezes não dão tanta importância aos cronogramas de atividades da área, não estão por dentro das datas de fechamento e não fazem ideia dos impactos fiscais e legais com os quais o RH precisa lidar. Por exemplo, caso não seja cumprido uma simples transmissão de admissão para o eSocial no prazo legal.

Entretanto, o problema não está somente na falta de conhecimento das outras áreas, mas principalmente na comunicação ineficiente do próprio RH.

Queda no engajamento 

Sempre que uma área gasta tempo com tarefas repetitivas ou com a resolução de problemas que poderiam ter sido evitados, a empresa está deixando de cuidar de seus profissionais. Uma das consequências geradas é a perda de bons profissionais na empresa, uma vez que o RH não conseguiu focar na melhoria dos processos e, consequentemente, no capital humano, deixando de gerar novas ações e incentivos.

Desatualização em relação às leis

Sem uma área jurídica ativa para dar suporte à área de Recursos Humanos, torna-se difícil acompanhar as alterações de legislação na velocidade em que as mesmas acontecem. Com isso, a desatualização se transforma em um problema, deixando a empresa expostas a riscos legais e trabalhistas.

Como solucionar esses problemas?

Depois de compreender os desafios mais comuns enfrentados pelo RH das empresas e como eles afetam as organizações, é necessário buscar as melhores soluções. Confira abaixo algumas das principais alternativas que podem ser aplicadas.

Atualizar sua tecnologia

Uma boa prática é buscar implementar inovações e soluções tecnológicas capazes de propiciar aumento de eficiência e entregas. Com a tecnologia adequada, é possível aumentar a produtividade, otimizar tarefas e processos, ganhar escala e reduzir custos.

Com uma tecnologia moderna, automatizando processos, é possível minimizar os erros recorrentes em folhas de pagamento, por exemplo. Assim, a empresa poupa esforços e reclamações dos profissionais, aumentando a confiança e diminuindo o retrabalho do RH.

Em relação ao atendimento ao cliente, por outro lado, a organização pode buscar ferramentas que ofereçam suporte e agilidade (como chatbot ou o WhatsApp). São métodos simples, de baixo custo e de fácil implementação. Afinal, as empresas precisam de soluções que vão além do telefone ou e-mail.

Investir em conscientização

Diante do contexto de desconhecimento da rotina no RH, é importante investir em um trabalho de conscientização em outros setores da empresa. Uma boa estratégia para melhorar a comunicação é promover palestras, explicando quais os impactos de decisões que são realizadas sem o devido planejamento — o que expõe a empresa, deixando-a suscetível a riscos trabalhistas.

Com a entrada do eSocial, a tendência é que a área de Recursos Humanos naturalmente comece a fazer o papel de organizadora das informações. Dessa forma, ela não corre o risco de receber autuações ou notificações por processos equivocados.

Propor inovações e desafios

Para que o engajamento se mantenha alto, os profissionais precisam ser constantemente incentivados a aprender e enfrentar desafios. Quando a empresa investe em tecnologia e metodologia Lean, por exemplo, isso estimula o desenvolvimento de seu time e suas carreiras.

Em outras palavras, faz parte do trabalho da área de Recursos Humanos lidar com a questão da transformação digital e da Indústria 4.0. Quando os colaboradores fazem parte de uma cultura de melhoria contínua, a empresa só tem a ganhar.

Ter uma área jurídica ativa

Como mencionamos, o trabalho ativo do setor jurídico da empresa é fundamental para apoiar a área de Recursos Humanos. Desse modo, os profissionais de RH podem focar em fazer um trabalho estratégico, enquanto o jurídico os mantêm atualizados sobre quaisquer mudanças na lei.

Como vimos nesse artigo, os problemas do RH afetam a companhia como um todo. Sendo assim, é fundamental direcionar energia para resolver as dificuldades atuais e implementar melhorias o quanto antes. Sem dúvida, esse esforço será recompensado com mais produtividade, processos mais eficazes e rentabilidade para a empresa.

Se você gostou desse artigo sobre os problemas do RH e suas soluções, cadastre seu e-mail na newsletter!

Este conteúdo foi produzido com a colaboração de Rosangela Távora, Delivery Head People da Vexia.

Consulte um especialista Vexia.


Envie sua mensagem que um especialista Vexia retornará o contato. Obrigado pelo interesse!

Buscar