Recrutamento e seleção de pessoas totalmente digital reduz em até 50% o tempo de contratação e promove agilidade e segurança de dados

A área de Recursos Humanos (RH) talvez tenha sido a que mais precisou de agilidade para as decisões corporativas neste momento de pandemia. Home office, saúde, segurança e produtividade foram alguns dos focos de urgência para gerenciar e equilibrar a gestão de pessoas.

Depois da corrida pela adaptação ao “novo normal”, todos estão pensando no futuro, tentando compreender tendências e se preparar para esse mundo muito mais digital e interconectado.

É aí que entra a automação e a sigla RPA (Robotic Process Automation), cada vez mais conhecida pelos profissionais da área que buscam acompanhar a transformação digital e, dessa forma, otimizar suas operações.  A área de Recursos Humanos é um dos que mais envolvem processos manuais e burocráticos, como por exemplo, contratação de pessoas, pagamento de salários, controle de férias, normas financeiras e trabalhistas.

Uma reportagem da revista Você RH de dezembro de 2020 trouxe a informação de que, para 52% dos profissionais de RH do País, a companhia em que trabalham é pouco tecnológica. Apesar do cenário desafiador, para Rosangela Távora, head de pessoas da Vexia, o último ano representou um grande avanço sem precedentes em relação à digitalização do setor. “Além das empresas, os órgãos públicos também estão se reinventando, o que é uma grande evolução diante da morosidade e burocracia existentes “antes pandemia”. Como por exemplo, a aceitação de assinaturas digitais, liberações de fgts por “apps”, e tantos outros.  E com essas “mudanças de cultura e inovação”, todos ganharam em agilidade nos processos de RH e principalmente na entrega do produto final que é para o nosso cliente interno (profissional) ou externo (clientes), ressalta.

Os RPAs (Robotic Process Automation) aplicados aos processos de RH organizam, integram e garantem a segurança das informações. Essa mudança cultural que ainda está em curso, traz a tendência de um RH  mais  estratégico e atuante junto às definições de negócios das companhias.

Mas, afinal, por onde começar a automação de processos no RH?

Cada empresa possui diferentes fluxos e cenários a serem avaliados, mas há duas atividades centrais que os robôs podem atuar: admissão e demissão de profissionais.

A Vexia lançou para o mercado, em meados  de 2020, o RH 360 – uma ferramenta para automatizar os processos de contratação, desde o recrutamento e seleção até o relacionamento com o candidato, tudo de forma digital, eliminando a necessidade de formulários e documentos em papéis. O candidato consegue enviar todos os documentos e fotos por meio do seu smartphone e os RPAs fazem a leitura e os inputs dos dados diretamente no sistema do RH.   

“Com os RPAs, o risco de erro na informação lançada é praticamente zero. Além disso, o robô mantém o histórico de data, origem e destino de todas as informações”, pontua André Fernando de Lima, coordenador de sistemas da Vexia, lembrando também sobre a importância do cumprimento das normas da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

De acordo com João Santos do Prado, gestor de pessoas da Vexia, o RPA reduz em média 50% do tempo que costuma se levar para contratar alguém. O produto tem sido uma oportunidade de otimização para setores que possuem um alto turn over, como o da construção civil, ou que tenham picos sazonais de contratações, como o varejo.  

Além da agilidade e redução nos custos com impressão de documentos e deslocamentos, o follow up com o candidato é outro diferencial. “A ferramenta possui um chatbot para orientar o candidato em todas as etapas, mas, caso ele ainda fique com dúvida, o contact center da Vexia dá todo o suporte que ele precisar, e isso acaba liberando uma grande demanda interna das empresas”, explica.

Apesar das desigualdades brutais de acesso à informação e educação de qualidade do Brasil, a transformação cultural para um mundo digital já começou e a área de Recursos Humanos tem sido cada vez mais reconhecida como parte estratégica dessa jornada. “É nisso que a Vexia aposta -, tecnologias que ajudem a liberar pessoas para exercerem seus potenciais criativos e se tornarem agentes de transformação.”, completa Rosângela.

A Vexia pode ajudar sua empresa a otimizar os processos da área de Recursos Humanos com soluções de RPAs personalizadas. Entre em contato com nossos especialistas!

André Fernando de Lima
Coordenador de Sistemas
Rosangela Távora
Gerente Administrativo Pessoal
Joao Santos Prado
Gestor Administrativo Pessoal